sexta-feira, fevereiro 16, 2007

Um Homem Sem História = Árvore sem Raíz.

Um comentário no post sobre o clipe de Luzes me fez pensar um pouco. Muito bem escrito, porém não assinado, trata das várias histórias passadas da Plebe Rude que ando contando. Por exemplo, terminei recentemente uma série sobre detalhes das gravações dos discos e, atualmente, estou escrevendo sobre a filmagem de todos os clipes oficiais lançados para divulgar os discos. O anônimo sugeriu que deveria me concentrar no presente e no futuro, deixando de lado o passado. Em parte ele tem razão, acontece que essa é a época do ano chamada de “calmaria” entre as bandas. Espremida entre as festas de fim-de-ano e o carnaval, nada acontece a não ser festivais de verão e axé e samba.

Para piorar, esse ano choveu adoidado, forçando muitos dos poucos organizadores de shows a não quererem arriscar perder dinheiro por causa do baixo comparecimento de pessoas que não saem de casa quando cai um temporal.

Poderia, também, abrir o bico sobre os detalhes do DVD, mas o silencio, nesse caso, é estratégico. Quando sair, vai ser de supetão, surpresa total.

Além disso, gosto de contar histórias passadas. Como diz o historiador Galbraith: o estudo da história é um assunto pessoal, na qual a atividade é mais valiosa que o resultado.” E é assim que me sinto. A atividade de compartilhar os bastidores da Plebe e o feedback de vocês é muito valioso, divertido e trás satisfação. Espero que estejam de acordo.

14 comentários:

MANUEL-SALGADO-SERGIPE disse...

Quem não tem passado não vive o presente e tem medo do futuro.

Esse cara já ta dando pra ve. É só mais um daqueles; que pensa que todo rock tem que ser igual ao americano e toda música eletronica.

A nova era está depravada; cheia de influências negativas em que a grande maoria só pensam em pornografia e mercado.

Uma pessoa só existe porque tem passado e o seu passado é a soma do que vive no present5e. Não diferente com uma banda ou artista.

Nesse blog se comenta de tudo, tudo mesmo, e quem escreveu isso no post anterior, só ve o que está em sua frente(típico dos burros de carroça que não enchergam os lados.

André, seu blog é visitado por muita gente, e sabemos que essas muitas estão aqui pra saber exclusivamente da Plebe, no entanto quanto mais história e notícias da plebe melhor.

JOGUE A PEDRA E MOSTRE A CARA!

André X disse...

Valeu, Manuel! É o que penso também. Abraço.

Anônimo disse...

a nova era é contraditória: é cada um por si lutando pelas suas próprias realizações e assim "o todo" funciona em pleno caos construtivo (fala, philippe! quero falar com vc! atende o telefone, porra!).
abs

André X disse...

????????

Felipe Lopes disse...

Vc é o que vc faz, fez e viveu.
O futuro?
Foda-se o futuro.

Valeu André, continue nos contando as histórias da Plebe Rude.
Alimente nosso imaginário!!!

Abraço!!

Rafael disse...

Esse blog preenche um vazio que muitos fãs sentiam: informações sobre os bastidores da Plebe. É óbvio que todo plebeu sempre quis saber sobre esses detalhes.
O André presta uma grande contribuição a todos nós. O material dos últimos dias é digno de um livro contando a trajetória da banda. Nada mais justo para quem marcou seu nome do rock nacional. Quem não percebe isso não sabe para onde rumar no futuro.

Muito Massa Esse Blog disse...

Tenho certeza de que o tal fulano do post passado que reclama do blog não tenha tido a paciência de pesquisar melhor o X da Questão. Aqui tem passado, presente, futuro. E acima de tudo é um blog, porra!
X da Questão é ótimo e tem ótimos textos. Escrito por André que tem cultura e conhecimento a dar com o pau.
Continue assim, trazando suas divagações e experiencias.
Parabéns pelo X da Questão e não pense em mudá-lo!

Zé Mendes disse...

O futuro é uma miragem que nunca chega. Estaremos sempre presos no presente.

Qualquer informação nova é produto do passado. O presente é o resultado do passado. A ciencia é determinista.

O André tem razão. A história se escreve hoje. Aqui e agora.

futuro de cú eh rôla disse...

Musica eletronica é mais velho que rock. Começou nos anos 20.

Do Not Feed the Trolls disse...

O mais divertido do blog é o jogo do cabra cega anônimo. O mané ouve o galo cantar mas não sabe aonde.

Contudo, é preciso entender que anarquia não é lixo, não é zona e muito menos é ódio e violencia.

Tudo tem um limite. A ausencia de lider aqui é o próprio autor ser humilde e participar dos debates, mas alguem tem que administrar o barraco.

Parada de ódio, calúnia, babaquice e violencia, isso tudo deve ser limado mesmo. Pichadores fora de topico devem ser sumariamente eliminados. Isso não é censura, é apenas um controle de praga.

MANUEL-SALGADO/SERGIPE disse...

Tem muita gente de muito mais idade do que outras, no mais, não quer dizer nada.

Todos vamos envelhecer, seja com maturidade ou não.

do not feed the trolls disse...

Caro Manuel-Salgado

O André está fazendo tudo certo. Só precisa tomar bastante cuidado para que essa anarquia aqui não vire a lei do "cão". Para que isso não aconteça, seria bom deletar o ódio, as ameaças, as difamações, as pichações...

A anarquia do bem deve ser baseada na justiça e na paz. Se for assim, o caos então criará coisas belas, como faz a natureza. Do outo modo, tudo pode se transformar num circo de horrores, numa lixeira zoneada, cheia de ratazanas do esgoto.

Contudo, não estou aqui querendo ensinar o padre a rezar missa. O blog é do André e ele que faça a experiencia que quiser. Aliás, esse blog é otimo e o André está indo muito bem.

Só quero mesmo aconselhar a TODOS para não alimentar os trolls que venham aparecer por aqui.

Quanto ao André requer reunir informações e escrever a historia dele, isso está 110% correto, o cara está fazendo muito bem. Não vai ser nenhum troll anonimo disfarçado, usando cascatas, calúnias e argumentos ridículos, que vai provar que isso é ruim.

manuel-salgado/sergipe disse...

Assino em baixo!

César alves disse...

que nada salgado só tem umas putas querendo ser melhor que os outros.inclusive as meninas do pov.tombo.veronica,mariliá,Adriana.e as meninas do timbó.quem fala é a gostosona que se garante.ok.se ligue.