sexta-feira, outubro 14, 2005

É Brincadeira!


Quem estamos querendo enganar, se não a nós mesmos? Esse referendo que estão nos submetendo não significa nada, nada mesmo. Não é importante. Se fosse, você acha que o Congresso iria submeter à decisão à população? Eles têm todas as condições de decidir por eles mesmos, sem nos expor a caríssimas campanhas na mídia, que consomem nosso tempo e torram nossos sacos. Porque não pedem para a gente decidir sobre os cassáveis? Isso sim, seria um referendo interessante! Imaginem: o povo vai decidir se o Dirceu deve ser cassado ou não. Ele faria sua exposição na TV, jornal e rádio, alguém faria a contra-argumentação, o povo teria toda a informação necessária para dar o veredicto popular. Ou então, porque não nos perguntar sobre o salário dos servidores do legislativo? Iria um barnabé, representando a classe, para a mídia e falaria: “olha, eu ganho quase quinze vezes mais que o equivalente meu no setor privado, mas ainda não dá para manter meu estilo de vida, por isso peço a vocês para votarem sim, para eu ter o aumento.” Daí, outra pessoa, um médico que ganha perto de um salário mínimo iria responder: “não que seja contra você manter o seu estilo de vida, mas eu faço duas jornadas em dois hospitais públicos por dia. Faltam medicamentos e as condições de trabalho são precárias. Que tal votar não e destinar essa verba para a saúde?”

No referendo do desarmamento, eu voto SIM. Mas sei que nada vai mudar. Talvez uns percam o trabalho na fábrica de armas, talvez uns executivos tenham que mudar de empresa, talvez uns congressistas não consigam mais grana para o caixa-dois dos lobistas do armamento. Mas a violência vai continuar. O referendo mais importante que poderiam nos submeter seria da destinação de verbas para a educação. Já que nossos representantes acham mais importante destinar o orçamento para obras eleitoreiras, um referendo poderia forçar eles a aprovar um orçamento que destinasse muito dinheiro, por várias décadas, para a educação e realmente transformar esse país. Queria ver alguém ir para a TV argumentar contra a destinação de grana para a educação!

9 comentários:

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkSó vou comentar a foto, tá muito engraçado essas armas de brinquedos coloridas! muito engraçado!!! hahahahahahaha...

Pamela disse...

Quando te vi com a blusa do SIM no show do Rio,achei q vc acreditava mesmo q o referendo mudaria algo...Hhahaha
Eu tb acho q ñ muda nada,mto pelo contrário...Por isso voto NÃO,em protesto a esse referendo q é uma palhaçada.Eles tão gastando muitos milhões nesse referendo q poderiam estar indo pra saúde, educação,etc,etc.
Mas q o $$$ nunca vai pra onde tem q ir não é nenhuma novidade...
E tudo isso pra que? Só pra desviar a atenção do povo dos reais problemas como mensalão,cassações,poder paralelo.

É só ver qual é o assunto principal dos botecos,dos supermercados,da fila dos bancos.Até o fim de setembro não se falava em outra coisa q ñ fossem as CPIs.Todo mundo sabia os nomes dos deputados,assistiam as sessões.Agora parece q todos se cansaram desse tema e o q só se houve na rua è:vou votar no sim,vou votar no não.Porque isso,Porque aquilo...
Enfim,por isso eu voto NÃO !!! Não vou compactuar com essa palhaçada de umgrupo de parlamentares,da Rede Bobo de Telealienação,e das ONGs.

Mas,pô,queria muito ver um referendo sobre os cassáveis...Isso sim seria interessante,o programa político ficaria até agradável!

André X disse...

Pamela, por dia, morrem duas crianças vitimas de acidentes de armas. Pelo menos isso vai mudar. Vote SIM e deixe um montão de lobbistas desempregados. Mas, realmente, um referendo sobre os cassáveis seria de gravar para mostrar em programas de vídeo cassetadas.

Anônimo disse...

Poderia ter referendo pra: Anarquia, Militarismo, Socialismo, Comunismo e etc.

Anônimo disse...

André,
Por dia morrem centenas de crianças em virtude de acidentes automobilísticos. Deve-se proibir a venda de automóveis??

Midian disse...

eu tô contigo André,qria referendo sobre os aumentos salariais, cassaçoes, e td mais, pq eles estao fazendo isso??? eles aprovam o q qrem sem a opniao publik

Gustavo disse...

Ai, "Anônimo",
Um carro realmente mata varias pessoas por dia, só que tem um porém.
Uma ambulancia, um carro de bombeiros e uma viatura de policia ( com policiais não corruptos) salvam muito mais vidas, inclusive do seu vizinho de 5 anos que estava brincando com a arma do pai dele e acertou a si mesmo ou a alguem.

Arma mata, foi feita pra Matar.
Não consigo entender como alguem quer que uma porcaria que seja feita pra matar continue existindo.

Desde o começo dessas propagandas minha opnião é essa e nao mudou...

VOTO SIM...

E to contigo André... Referendo sobre salário dos politicos ia ser o Máximo.

Abraços, Gustavo...

Anônimo disse...

Eu voto sim pq a ângela Oliveira tá mandando e pq o dep. Alberto Fraga, da Frente Parlamentar do NÃO, é um picareta.

Concordo q se o sim ganhar, não vai mudar muita coisa, nem pra mim, já q não tenho a menor intenção de comprar uma arma, logo, só de náo ter brigas no trânsitos q possam acabar em tiroteio, já fico satisfeito...

E vc, já abraçou seu filho hj?

Daniel disse...

Eu voto sim pq a ângela Oliveira tá mandando e pq o dep. Alberto Fraga, da Frente Parlamentar do NÃO, é um picareta.

Concordo q se o sim ganhar, não vai mudar muita coisa, nem pra mim, já q não tenho a menor intenção de comprar uma arma, logo, só de náo ter brigas no trânsitos q possam acabar em tiroteio, já fico satisfeito...

Daniel - Plebe na pele
E vc, já abraçou seu filho hj?