quinta-feira, outubro 30, 2008

Luana e Dado


Luana Piovani declarou: “faz tempo que não via Dado”. Todos em volta rirem, incrédulos. Um até comenta com o outro: “12 horas?” O outro responde: “não, dez minutos.”
“Gente, não tô falando disso, mas sim do meu ex-noivo, o Dado Dollabela!”
Ahhhhhhhhh bommmmmm.

Eu rolo no chão de rir com essas nossas “celebridades”. Grazzi, Piovani, Letícia, Dado, são todos uns manipulados, jogados sob holofotes pela imprensa, geralmente a Globo. Aliais, o site da Globo é o único que dá destaque em pé de igualdade para notícias importantes, como a crise financeira global, e o mundo fútil e besta das celebridades.

Dado e Luna aproveitaram a mídia em cima do namorico e alavancaram sua exposição nos meios de comunicação. E acaba assim: roupa suja lavada em público. Eu, que não leio Caras (a não ser no dentista), não acesso globo.com, não leio Contigo, sei que ela deu pra ele (sem trocadilhos) um Crusier Pt de aniversário. Ele retribuiu com uma Vespa. Iam para praia juntinhos, com um exército de paparazzi atrás. Fico puto em ocupar espaço ROM de meus neurônios com frivolidades desse tipo.

Agora o casalzinho se separou e os paparazzi não sabem qual seguir. Sim, porque não tenham dúvidas que o anonimato e low profile não faz parte dos planos de nenhum dos dois. Que tal outra entrevista do Dado com o João Gordo? Quem viu a primeira, sabe que o playboy chegou lá doidão e quase destruiu o estúdio. Vejam abaixo.

“Seduzidos pela luz
Oprimidos pela cruz
Sem noção do ridículo
Adivinhe quem é o próximo a engolir

A capa do mês, o eliminado da vez
Só preenchem a lacuna da sua estupidez
A melodia no ar, demagogia no ar
Iluminando as paredes da sala de estar”


22 comentários:

Anônimo disse...

uma vez eu tive que cobrir celebs e uma das tarefas era entrevistar o dado dolabella num camarote de micareta. nem sabia quem era o cara, ele tava aparecendo na malhação. e nessa ocasião choveu paca, com direito a estado de calamidade pública (LITERALMENTE). a micareta nem era lá essas coisas. entrevistei o cumpadre washington e queria uma palavrinha impossível com as sheilas. no final das contas, já tinha feito o trabalho suficientemente e desencanei com a entrevista com o galã teen.

desencanei tanto que uma das minas que catei na noite (a empresa ainda não havia assinado minha carteira, tava autônomo) tava num camarote. Aí comentei que faltava apenas entrevistar o cara.

aí beleza, me confirmaram q o cara tava na micareta e seria bom que eu pintasse com alguma foto do cara.

mas nem sabia quem era a figura e como ninguém me deu a dica, fiquei num camarote que melhor me acolheu com a minha consorte noturna (quitutes, guloseimas e birinaites a gosto).

e fiquei broder da galera, tirei várias fotos de onda com a galeire. e falei mal paca do galã teen, que eu nem sabia quem era.

qdo cheguei pro trampo na segunda. entreguei a máquina e expliquei que nao pude fazer foto com o galã pra minha editora pq o cara devia estar curtindo a festa pegando as gatinhas.

minha chefe falou: "tudo bem"!

o foda foi que ela avistou o galã em algumas das fotos que eu tirei com a galeire. ahahah

"cara, o dado é esse aqui na foto junto com vc e esse pessoal aqui"

ahahahhah

foi um dos malucos para quem eu falei mal do galã, ou seja, o ´próprio cara me ouviu falar mal dele e levou na boa, sem estresse.

virei fã!
abs

Elizabete disse...

Ridículo essas pessoas que ficam atrás dos 15 minutos de fama,o pior é que o povo gosta desses escandalos.

anonimo 2 disse...

Quanto as viadagens, paparazzis e xiliques para aparecer, disso eu nem reclamo. A minha bronca está mesmo no seguinte comportamento:

Esse tal galã teen na verdade é playboyzinho psicopata. Espancou uma senhora idosa (a camareira) e isso deveria que acabar em alguns anos de cadeia. Sou cidadão e acho que o estado deve processar e punir o meliante.

Deste modo, esse aí deveria fazer duplinha de presidio com Raphael Ilha (aquele que come pilha). Lá que é o lugar certo para eles fazerem merda.

Enfim, idolo galã de cú é rola. Lugar de playboy psicopata é no hospicio ou na cadeia.

Paulo Henrique disse...

A Globo é uma das coisas que mais atrasa esse país.

Sobre o link q ñ funcionou, era a matéria: entrem no site da Folha de São Paulo, procurem na barra de busca em "Folha On Line" a palavra Discografias (com letra maiúscula).

Aproveitando a oportunidade quero fazer uma enquete com artistas que têm/tiveram contrato com gravadora. Quantos % vocês ganhavam na venda dos CDs? Pq o argumento principal dos q sã ocontra download é: os artistas precisam disso pra viver. Mas todo mudno sabe que gravadora ganha a grana nas costas dos artistas, e q o q dá dinheiro pra artista é show!

Anônimo disse...

não sei pq mas tô achando que essa história toda é do tipo "falem mal, mas falem de nós", entendem?

15 minutos de fama é minha rôla enfiada no meio do teu cu, elizabete filha da puta!

Ellen Petersen disse...

Vocês acreditam mesmo que alguém vai se importar com a crise econômica do exterior, enquanto o Dado Dolabella e a Luana Piovani se separam? Tá certo que essa crise é uma realidade, mesmo tendo cara de ser fogo de palha igual ao aquecimento global... Mas, ver a crise conjugal de duas "celebridades" que se acham adolescentes, é muito mais fácil e divertida do que encarar a dura realidade. Então, dane-se! Por mais que sejamos contra, esse tipo de abobrinha do mundo do entretenimento vai continuar passando na TV mesmo, enquanto o circo pega fogo lá fora! Não adianta dar murro em ponta de faca por uma alienação em massa irreversível, gerada através dos mitos e pseudo-intelectuais (igrejas, TV, Caras)...

zé mendes disse...

PH,

Antigamente, a percentagem do artista era de 6% a 10%. Hoje, não sei como está. Dizem que as gravadoras não contratam mais ninguem. Usam apenas as velhas estrelas famosas.

De qualquer modo, desses 6% ou 10%, algumas gravadoras abatiam as despesas e advances da gravação. Assim, artista medio e pequeno só via a cor do dinheiro depois de vender muito disco.

A vantagem era a gravadora fornecer estrutura de hotel, passagem e comida, para que as bandas pudessem fazer shows e turnes pelo Brasil. Dava tambem jabá e agenda marcada para aparecer na radio e na TV.

Assim, com abrigo, prato de comida e transporte na estrada, alem do trafico de influencia na midia, a gravadora divulgava o produto e vendia mais discos. Isso era bom para o artista tambem.

Enfim, a pirataria e download ferra mais o grande artista famoso. Quem vende muito disco, esse sofre. A gravadora se ferra mais ainda.

Para os pequenos, esses não perdem nada. Inclusive, até acredito que pirataria e download possam ajudar. Bem ou mal, download e pirataria é divulgação gratis e poderosa.

Anônimo disse...

Final de carreira:

- Luana: BRASILEIRINHAS PRODUTORA DE VÍDEO.

- DANDO - algo em troca em troca de uma pedra.

Anônimo disse...

E o pior:

outro dia assistindo ao show bussines do J.Dória Jr, na qual considero experto, vi ele entrevistando a Luana e dizendo ser encantado pela moça, pois, não é só beleza, tem tbm o conteúdo é muito inteligente.

Vi - ri - desliguei a tv

Anônimo disse...

olhem, preciso avisar a todos que sou o único autorizado pela diretoria a assinar como anônimo nos comments deste blog.

E TENHO DITO!
PS: Caso tenham algo a declarar anonimamente, peço por obséquio que me notifiquem do conteúdo anônimo previamente à postagem. grato

Anônimo disse...

esqueci de dizer que no camarote da micareta rolou suruba e, sem querer, acabei dando a bunda para o galã teen.

abs

Anônimo disse...

eh X, vc escreveu sobre futilidade - veja os comentários inúteis...
Ninguem merece!

Anônimo disse...

olhem, algum fdp assinou anonimamente como se fosse eu, o anônimo oficial do primeiro comment.

favor nao confundir os personagens com as respectivas mensagens, pois não dei a bunda seja em micareta ou off-micareta, é bom salientar.

beijos

Anônimo disse...

saibam os impostores fdps: eu não dei, apenas emprestei. minha bunda ela continuam aqui comigo. e foi sem querer querendo. é bom que fique bem claro.

abs

John Doe disse...

o que é dado, não é emprestado.

Anônimo disse...

aí, o anônimo oficial dos comments deste blog anuncia que nunca doou ou emprestei seu respectivo par de nádega a outrem.

só sei de uma coisa: essas pessoas que estão zoando nesses comments devem ter problemas sérios para perderem seu tempo com essas pilhas de pré-primário...

um grande abraço para todos, nobres e plebeus!

UI-UI-UI-UI (mumu da mangueira mode on)

Anônimo disse...

ps: o anuncio não inclui o orifício localizado between meu par de nádegas.

E TENHO DITO:

UI-UI-UI-UI (tambem mamei na mangueira mode on)

Anônimo disse...

meu clone é uma pessoa muito bem humorada!
AHAHAHAHAHAHAHAH
mas nao mamei em mangueira nenhuma...

e já que o papo é sobre cachaça, eis mais uma homenagem:
"eu não vou dizer que eu tb seja perfeito
mamãe me ensinou a só querer mamar no peito heh heh..."

hic

abs

fernando disse...

André, estes caras são um bom exemplo do que não ser.
acompanho sempre o seu blog, e recentemente decidi criar um espaço para divulgar minhas idéias (influenciado por ti e o ideal inicial da tchurma)
O link é: www.neuroticoautonomo.zip.net
Ficarei muito feliz com uma visita sua.
Lá você encontrará contos, crônicas e reflexões sobre o cotidiano

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Nicolau El-moor disse...

Oi André!
Realmente, tem certas coisas que são estranhas...
Mas, tem muita grana por tras disso tudo.
Nem podemos dizer que isso só acontece por aí. No mundo todo existe uma industria para vender isso. Se não for com a Luana, é com a Madonna ou com a Jennifer Lopez ou sei lá quem mais...
Abraços.

PS. Parece que vamos a Brasília no Natal. Vocês estarão por aí?

Manuel/Salgado/SE disse...

o site da plebe ta fora do ar?!