quarta-feira, março 28, 2007

Ric Novaes Anjo


O Bruno, do Rio, que postou o comentário do artigo passado, falou dessa foto. Achei tão boa que resolvi colar aqui. Para mais informações www.moo.com.br.

10 comentários:

Anônimo disse...

OI ANDRÉ. fUI EU QUE TIREI ESSA FOTO NA X-DEMENTE. TENHO MAIS ALGUMAS DA SERIE ANJO AQUI. QUANDO CHEGAR DO TRABALHO TE MANDO. NO MAIS, SE NAO ME LIGAR QUANDO VIER AQUI VOU FAZER UM TRABALHO PARA O EXU TRANCA-MIXER (MAIS UMA PIADINHA INFAME DO RIC). aBS E SAUDADES
nIVIO

André X disse...

Ok, Level, claro que te ligarei! mande as fotos.

Anônimo disse...

Curioso, os exus são os anjos do candomblé, os mensageiros dos orixás. http://translenza.com.br/orixa/lnk_orixas.php?id=31

O conceito do anjo e exus surgiram na Súmeria. O anjo seria uma entidade que, de modo a proteger e ajudar a criação divina, a vida, traria revelações e levaria pedidos aos deuses. Os demonios seriam o contrario. Eles estão presentes no judaismo, hinduismo, cristianismo, antigo egito e etc.
http://www.feedback.nildram.co.uk/richardebbs/essays/angels.htm

Na mitologia grega o exu seria o Hermes (ou Mercurio), o filho prodigio de Zeus (Jupiter), que tinha passe livre no underground, que tambem inventou a musica (criou a primeira lira).
http://en.wikipedia.org/wiki/Hermes

Está arriscado então de fazer um despacho, para o "exu tranca-mixer", e acabar encontrando o Ric (de férias na Bahia).

Assim, com o anjo Ric baixando no terreiro, o André vai ter toda a sorte do mundo, vai se dar bem. Afinal, me parece que, pelo menos inconscientemente, é isso mesmo que o Nivio quer. Os amigos são para essas coisas.

Axé

Anônimo disse...

Que erro lamentável, tenho que cosertar:
"O conceito DE ANJOS OU exus SURGIU na Súmeria."

Enfim, as encruzilhadas simbolizam os caminhos que se cruzam, por onde passam os viajantes e mensageiros, onde acontece intercambios e encontros.

Disso nasceu o comércio, e tambem os ladrões. Na mitologia grega, era o Hermes que comandava isso tudo.

Já na umbanda, que é diferente do candomblé, o exu tranca rua é o guardião e mestre das encruzilhadas.

Bruno disse...

Oi Nivio
Você tem mais dessas?
Essa que eu coloquei no site, peguei com a Clarinha Rocha.
Imagino que você tenha outra série anjo =)
Ou a Clarinha pegou com você?
Enfim..
O que importa é que a foto é mesmo linda.
Valeu, cara.
Abração

Janko disse...

cara gosraria de conversar com vc sobre sua opinião sobre o jabá...
desde ja se puder entre em contato...
jankomoura@yahoo.com.br

dunha disse...

"Deus q te ponha no lugar q merecer!"

Anônimo disse...

"Deus q te ponha no lugar q merecer!"

Dunha,

Sem brigas, mas eu acho a sua opinião muito simplista. Na verdade, o livre arbitrio não existe. O nosso destino está escrito. Qualquer mudança de direção, qualquer escolha ou mudança que voce faça, tudo isso é parte de uma estoria que já foi escrita.

A ciencia hoje é determinista, tudo tem uma causa. As coisas acontecem porque existem razões pre determinadas. O livre arbitrio é apenas uma ilusão.

Não é realmente voce que escolhe o sorvete de morango ou chocolate, existem razões e causas pre determinadas para voce chegar a qualquer decisão. A sua preferencia por morango, por exemplo, pode até ser genética.

Isso não livra as pessoas da culpa e punição, pois o mal deve ser combatido, pois ele tambem determina as causas das coisas ruins, mas tudo isso é uma novela que já foi escrita.

Se uma pessoa comete um crime, isso não é correto, mas isso sempre tem uma causa, seja ela boa ou ruim (dependendo do julgamento).

Então, se Deus existe mesmo, ou talvez o diabo tambem, o papel do criminoso e da da Madre Teresa de Calcutá, ambos já foram escritos e se repetem por milhares de anos.

Por exemplo, a raça humana vem cometendo crimes desde os tempos das cavernas, isso deve estar escrito nos nossos gens, não é mesmo? Observe os macacos e outros animais, eles tambem roubam e matam. Por que será?

O mesmo acontece com as pessoas boas: a estória já estava escrita assim. O bem tambem faz parte. Existem coisas boas na genetica humana, como vemos tambem em outros animais: amor, sobrevivencia, solidariedade...

Portanto, não sei se é Deus ou o Diabo, se existirem, que julgam as coisas que acontecem, pois foram eles mesmos que determinaram tudo, desde o começo.

A raça humana sempre acreditou que esse script poderia ser mudado, por isso tentavam e ainda tentam mandar mensagens para os deuses, através de anjos e exus.

Para os povos antigos, a encruzilhada representava as verdadeiras mudanças de direção, decididas pelos deuses. Na encruzilhada os caminhos se abririam ou se fechariam (daí o nome "tranca rua"). Os deuses poderiam revisar o texto. Então, seria lá na encruzilhada que aconteceriam as trocas de informações que criariam as verdadeiras mudanças do destino.

Os antigos já sabiam que o livre arbitrio era apenas uma ilusão. Se pudessem mesmo escolher e decidir o destino, nada de ruim aconteceria. Então, para os antigos, quem decidia tudo eram os deuses. Já conheciam o determinismo.

Anônimo disse...

Para terminar então, acho que esse Blog pode ser uma especie de encruzilhada virtual, pois aqui se cruzam os viajantes, os mensageiros acontecendo então intercambios e troca de informações que podem realmente mudar o destino das coisas.

Portanto, deixo aqui o meu despacho (homenagem) para o anjo Ric (ou exu "tranca mixer", para os intimos), para que ele continue iluminando, abrindo os caminhos e trazendo novas revelações para o André.

Anônimo disse...

Ricardo Novaes, também conhecido como Mr.Spacely. Foi
Dj durante 10 anos. Será sempre um exemplo de
profissional. Com uma grande bagagem musical, Ric,
como era conhecido, rapidamente conseguiu destaque
pelo seu telento. Aproveitando sua carreira como
diplomata, foi buscar mais experiência em outros
lugares, como Japão, Vietnã, Espanha, Portugal.
Conseguiu, por conta de seu talento, consolidar uma
carreira profissional bem sucedida. De volta ao Brasil
foi para o Rio de Janeiro, sua cidade natal. Lá
continuou fazendo as pessoas felizes com sua música.
Mas o que não se pode deixar de falar era de outro
talento dele – o de juntar as pessoas. Além do lado
musical, talvez esse seja o maior talento de Ric:
conseguir juntar os amigos em torno de alguma coisa. A
falta do Dj será sentida, mas a falta do amigo será
insubstituível. Ric, você estará sempre em nossos
corações.

Guilherme Tavares P. Mendes.