sexta-feira, dezembro 15, 2006

Chorem!



Lula chora. Heloísa Helena chora. Por razões diferentes, claro. O primeiro porque chegou onde chegou, com mérito claro. A segunda, porque não chegou onde queria chegar e está de saída. Ambos não fariam falta nenhuma. Quem vai fazer falta e por esse eu choro é o Severino Dias de Oliveira, o Sivuca, que faleceu ontem aos 76 anos de idade. Grande músico. Hábil e original. Vai fazer falta.

Outro motivo para chorar é o aumento auto-concedido aos nossos representantes no Congresso. Impacto: 163 milhões por ano. Quem paga? Eu, você, todos nós. De onde vai sair? De dinheiro que poderia ir para a educação, a saúde, segurança, todos esses assuntos que para o povo brasileiro são importantíssimos, mas para os congressistas não valem a pena discutir. Já salário, passa rapidinho. Somos trouxas, somos idiotas passivos. Ninguém vai fazer nada. Nem uma vidraça do Congresso será quebrada, nem um ovo será jogado em um deputado, nem uma torta num senador. Vamos baixar a cabeça e pagar a conta. Como sempre fazemos todos os anos.

E o efeito cascata? As assembléias municipais e estaduais também vão se auto presentear aumentos do mesmo tanto. Tem municípios que um aumento desses é um golpe para o futuro de seus habitantes. Cadê o Guy Falkes brasileiro?

Meu cunhado sempre fala: político bom é político morto. Sempre discordei, achei que por meio do voto a gente poderia reverter a situação. Começo a ter dúvidas.

Chorem mesmo. Tchau Sivuca! Tchau dinheiro dos impostos!

8 comentários:

Ale Gaspa disse...

Absurdo mesmo esse aumento. E a gente aí, como a Katarina....("passiva aceita sem nem perceber")
Depois vem e-mail reclamando daquele filme "Turistas"...

Anônimo disse...

OLÁ ANDRÉ BOA TARDE!
MEU NOME É FÁBIO CARVALHO, SOU MORADOR DA ZONA NORTE NO RIO DE JANEIRO E TENHO DUAS PERGUNTAS A LHE FAZER.
1°.PORQUE QUE EM OUTROS PAISES DO MUNDO COMO POR EXEMPLO A ARGENTINA,QUANDO O GOVERNO RESOLVE SACANEAR O POVO ESTE VAI ATÉ AS RUAS EXIGIR MAIORES EXPLICAÇÕES E ACABAR DESTRUINDO EDIFICAÇÕES DE CASAS BANCARIAS ESTRANGEIRAS,OUTROS ORGÃOS INTERNACIONAIS,EDIFÍCIOS PUBLICOS E POR FIM ACABA SEMPRE CONFRONTANDO A POLÍCIA,JÁ NO NOSSO PAÍS O POVO SÓ SE REVOLTA QUANDO SEU TIME PERDE O CAMPEONATO DE FUTEBOL?

Anônimo disse...

SEGUNDA PERGUNTA:

TAMBÉM NO RIO DE JANEIRO A MUTO TEMPO AS EMPRESAS DE ÔNIBUS FAZEM O QUE QUEREM COM A POPULAÇÃO DA CIDADE E REDONDEZAS, VISTO QUE ESTES EMPRESÁRIOS COM O APOIO DO PREFEITO CÉSAR MAIA NÃO CUMPREM OS HORÁRIOS DETERMINADOS E NÃO ATENDEM A DEMANDA POIS COLOCAM POUCOS ÔNIBUS E AINDA AUMENTAM O PREÇO DA PASSAGEM SEMPRE QUANDO LHE CONVÊM E NINGUÉM FAZ NADA.
JÁ TENTEI DE TODAS AS FORMAS RECLAMAR COM ORGÃOS RESPONSÁVEIS MAS INFELIZMENTE NADA ACONTECE.EXISTEM MUITOS QUE DIZEM QUE A MELHOR SOLUÇÃO É QUEIMAR ESTAS CONDUÇÕES MAIS SEMPRE QUE ISTO OCORRE CHEGAMOS A CONCLUSÃO QUE ESTES VEÍCULOS NÃO SÃO REPOSTOS PELAS EMPRESAS RESPONSÁVEIS.O QUE FAZER?

André X disse...

Fábio,

Queria ter as respostas para suas questões. Realmente, na Argentina, na Coréia do Sul, na França, só para mencionar alguns países, quando o povo se sente prejudicado sai às ruas e mete bronca. Aqui somos passivos demais. Acho que nem o futebol faz o brasileiro se manifestar mais.

Quanto aos ônibus, não funcionam porque são concessões reguladas pelo Estado. Quando o Estado está envolvido, nada dá certo. No Chile resolveram esse problema deixando quem quissesse ter uma linha do ônibus que fosse atrás. Assim, a competitividade aumentou. Se uma empresa é ruim, a outra facilmente ocupa seu lugar. Aqui, com as divisões das linhas de ônibus, a empresa não tem nenhum rival e oferece um serviço de merda.

Rafael disse...

Eu sempre considerei que o salário dos parlamentares deveria ser atrelado ao Salário mínimo.
Eles ficam numa briga para dar um aumento irrisório ao povo, mas para os próprios é o que se viu. Então vinculando o salário deles ao mínimo, poderíamos ter uma alternativa. E também deveriam assinar folha de ponto como todo mundo. Faltou a uma sessão, cortem o dia não trabalhado. E nada de receber por convocação extraordinária. Um mês de férias está mais do que bom para eles.

Rafael disse...

Olha o que achei na Constituição Federal:
Art5º, LXXIII - qualquer cidadão é parte legítima para propor ação popular que vise a anular ato lesivo ao patrimônio público ou de entidade de que o Estado participe, à moralidade administrativa, ao meio ambiente e ao patrimônio histórico e cultural, ficando o autor salvo comprovada má-fé, isento de custas judiciais e do ônus da sucumbência.
Quem topa?

Anônimo disse...

Não sou fã de skank (no começo até que gostava), mas devido a esse AUMENTO absurdo, pensei: a nossa indignação é uma mosca sem asas, não ultrapassa as janelas de nossas casas, indignação, indignado. . .
Mais uma sem fazer nada, isso aqui é Brasil ôôô...
Abs,

Gunther Hofner
BHZ - MG

Anônimo disse...

alguem tem aí um oleo de peroba, misturado com acido sulfurico e soda caustica, pra passarmos na cara de pau desses filhas da puta?

alguem ta afim de formar um grupo de exterminio, para aniquilarmos deputados e senadores


o sivuca vai fazer uma falta fudida.